NASA 06

Projeto John F. Kennedy: "Missão ENTERPRISE"

Página 6 


Com base nesta importante descoberta, sobre a convergência entre  "Orion / Leo / Sirius Connection" para o Sphinx e suas Pirâmides de Gizé, Bauval e seu novo co-autor, Graham Hancock (ver, "The Keeper of Genesis", Bauval e Hancock, 1996), já se avançou numa nova interpretação de setores-chave da quinta dinastia, reino velho "Textos das Pirâmides"; estes, registros antigos escritos (baseados em antigas tradições pré-históricas orais) citam repetidamente Orion ("Osiris") e suas regiões celestes vizinhas ("o Duat") como o símbolo de ligação fundamental para não só as estruturas planalto de Gizé (ver acima, à direita), mas para outras pirâmides construídas ao longo do Nilo - ecoando na Terra, em calcário, as tradições religiosas e mitológicas egípcias mais fundamentais aparente no céu;Outros textos reforçam uma "conexão leonide" igualmente forte - o que indica que o "leão celestial," Leo (de acordo com Bauval, a contrapartida Skyborn precisa da enigmática Esfinge na Terra - veja abaixo), também fez parte deste abrangente (embora ainda profundamente misterioso) mitologia celestial. 

Bauval e novas interpretações de Hancock também levar a sério, pela primeira vez, repetidas, referências enfáticas (encontrados nos textos - veja abaixo), ligando esta Pyramid / Orion / Sirius / Sphinx / Leo A conexão com um literal "First Time" - o enigmático, dramático, aparentemente fim catastrófico ... circa 10.500 BC ... de um, pré-egípcia, potencialmente "high-tech" civilização terrestre mundial misterioso (conhecido mais tarde, através próprias fontes egípcias de Platão, apenas como "Atlantis"). Uma civilização muito antiga, com igualmente misteriosas ligações "extraterrestres" (identificado nos textos) ... ainda aparentemente ecoou nos sobreviventes identificações celestes com particulares "chave" regiões do céu.

Este novo dado reforça interpretações anteriores, por investigadores adicionais miríade (ver Biblioteca do navio e provisões de bordo), da crescente evidência em todo o mundo para a existência de um, notavelmente sofisticado, cultura verdadeiramente global pré-egípcio ... que floresceu muito antes atual " mainstream "interpretações arqueológicas ... e que de alguma maneira acabou abruptamente cerca de 12.500 anos atrás.

O que nos leva à conexão surpreendente dessa pesquisa diversificada, terrestre à, de 14 anos, extraterrestre "Empresa" Investigação em curso.

PÁGINA ANTERIOR | PRÓXIMA PÁGINA |